Com times remontados, Campeonato Baiano retorna quinta-feira para o seu complemento

Postado por Radio Gbesporte wem on julho 21, 2020 | Sem Comentários
Com times remontados, Campeonato Baiano retorna quinta-feira para o seu complemento

Em meados de março, o Campeonato Baiano foi paralisado devido a pandemia do coronavírus faltando duas rodadas para a definição da primeira fase. Na próxima quinta-feira (23), com todos os jogos às 16h, a competição estadual retorna de onde parou para conhecer seus quatro classificados às semifinais e o seu único rebaixado. Porém, a volta será com todos os times modificados.
Quando o Baianão foi suspenso, os clubes do interior dispensaram seus elencos. Até os gigantes do estado, Bahia e Vitória tomaram a mesma decisão ao enxugar suas folhas salariais com as extinções das equipes sub-23 que estavam disputando a competição para que os elenco principais focassem apenas na Copa do Nordeste, Copa do Brasil, e, no caso do Tricolor, a Copa Sul-Americana.

Os primeiros a voltarem com os treinos presenciais foram Bahia e Vitória. Os dois precisaram inchar seus elencos principais para aguentar a maratona de jogos nesse retorno do futebol com calendário reduzido. Depois, Bahia de Feira, Jacuipense e Atlético de Alagoinhas também aderiram aos protocolos de segurança e retornaram ao batente, já que também vão participar de outras competições nacionais. O Leão do Sisal vai jogar a Série C do Brasileiro. Já o Tremendão e o Carcará terão a disputa da Série D. O terceiro representante baiano na quarta divisão do Brasil, é o Vitória da Conquista, que vive situação financeira bastante delicada e só reiniciou os trabalhos após a definição da Federação Bahiana de Futebol (FBF). Assim como os demais clubes do Baianão.

Clubes como Bahia de Feira, Jacuipense, Atlético de Alagoinhas foram ao mercado e tiraram alguns jogadores dos seus concorrentes estaduais. No arbitral, ficou decidido que os novos contratados vindos das outras equipes não poderão disputar o complemento do Baiano.

DISPUTAS EM JOGO
O Campeonato Baiano será reiniciado com todas as brigas em disputa, seja para avançar à semifinal, seja para evitar o rebaixamento. Já Na parte de cima do certame, o Bahia está muito próximo de carimbar a vaga na próxima fase. O Tricolor é o líder com 15 pontos, quatro a mais do que o Atlético de Alagoinhas que é o quinto colocado com 11. Os dois times se enfrentam em Pituaçu logo no primeiro compromisso do retorno da competição. Um empate pode até definir a vida do Esquadrão de Aço nesta primeira fase desde que a Juazeirense, que é o sexto com 10 pontos, não vença o Vitória da Conquista, que ocupa o oitavo com sete, no Adautão, em Juazeiro.


Quem também pode encaminhar a classificação é o Jacuipense. Segundo colocado com 12 pontos, o Leão do Sisal enfrenta o Flu de Feira, que é o sétimo com nove, no Joia da Princesa. No Barradão, o Vitória, que é o quarto com 11, recebe o Bahia de Feira, em terceiro também com 11.

Na parte debaixo da tabela estão Doce Mel no nono lugar com quatro pontos e o Jacobina com um. Os dois se enfrentam nesta quinta na Arena Cajueiro e podem definir quem cairá para a Série B. O time de Ipiaú precisa vencer o Jegue da Chapada para se salvar de forma antecipada.

BRIGA JUDICIAL
O anúncio do retorno do Baianão foi com polêmica. O vice-presidente do Jacobina, Rafael Damasceno, disparou contra a decisão da FBF. O clube entrou com uma ação no Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol da Bahia (TJDF-BA) para suspender o reinício da competição e sua diretoria ameaça não colocar o time em campo para o duelo com o Doce Mel.


SEMIFINAL E FINAL
O Baianão volta obedecendo o formato de disputa original. Isto é, os confrontos da semifinal e da final serão definidos em jogos de ida e volta. As datas das partidas ainda serão anunciadas pela FBF.

                                                                        Parceiros
























Reações:

0 comentários:

Postar um comentário